Os donos da Ironman estão no mercado para tentarem vender a marca por cerca de 920 milhões de euros.

A notícia foi avançada pela agência Bloomberg que cita fontes próximas do negócio. Os chineses da Wanda Sports Group, donos da Ironman desde 2015, adquiriram a marca por cerca de 650 milhões de euros e estão no mercado, com a ajuda de um consultor, a avaliar algumas propostas de investidores privados, avança a agência noticiosa citada por várias publicações online.

O mercado parece ter gostado da ideia do negócio, com as ações da companhia valorizarem mais de 40% nas horas seguintes à publicação da notícia. De acordo com o Jornal de Negócios Online, a Wanda Sports já desvalorizou 63% desde julho de 2019.

Para além da Ironman, o grupo detém ainda várias marcas associadas ao mundo da corrida, como a Rock n’ Roll Marathon, e alguns direitos associados ao Mundial FIFA. Portugal recebe pela primeira vez a distância completa (3,8km / 180km/ 42km) da prova Ironman, em Cascais, a 26 de Setembro.